Retornar para Desenvolvimento Social

Promoção Social, Direitos Humanos e Cidadania

Promoção Social, Direitos Humanos e Cidadania
• Criar um Centro Regional de Atendimento a Crianças e Adolescentes como porta de entrada para aqueles que sofreram violação de direitos, propiciando acolhimento por equipe multidisciplinar que definirá o encaminhamento para a família e serviços de retaguarda;
• Coordenar ações preventivas em todas as etapas do desenvolvimento humano, da primeira infância até as ações de proteção para crianças e adolescentes, por meio do Centro de Apoio e Valorização da Família – que atenderá a família no contexto comunitário e ajudará a fortalecer os vínculos familiares:
• Fortalecer o setor de Desaparecimentos que receberá denúncias por meio de central telefônica, bem como pela informatização por aplicativos móveis de todos os Conselhos Tutelares da Capital e Região Metropolitana de São Paulo;
• Implantar o Programa “Recomeço Família”, com atuação em prevenção, tratamento e recuperação, reinserção social, acesso à justiça e cidadania, revitalização das áreas de uso de drogas, intensificando as estratégias preventivas de uso das drogas lícitas e ilícitas e de reinserção social dos usuários nos contextos familiar e comunitário;
• Promover a humanização e o resgate da cidadania com o emprego de equipes multidisciplinares de Agentes de Proteção Social presentes 24 horas nas ruas, ofertando alternativas qualificadas para o perfil e necessidade de cada indivíduo
(profissionalização, atendimento médico, psicológico, resgate de vínculos familiares e outros). Promover cuidado integral, na acolhida e na proteção, buscando a recuperação da autoestima e estimulando o desenvolvimento das portas de saídas (qualificação profissional, valores pessoais, fomento à escolarização), com o apoio de bases móveis com profissionais das áreas da saúde, social, trabalho e cultura;
• Implantar unidades do restaurante popular Bom Prato nos distritos com maiores índices de vulnerabilidade social, oferecendo alimentação de qualidade e baixo custo e, ainda, promovendo atenção psicossocial e encaminhamento de cidadãos para equipamentos e serviços das diversas políticas existentes;
• Unificar o cadastro dos beneficiários dos programas de transferência de renda com a inclusão de todos os usuários dos serviços sócio assistenciais com o objetivo de monitorar as informações das pessoas que utilizam o sistema social, suas necessidades e os serviços disponíveis;
• Implantar centros de informação e orientação ao imigrante e refugiado em pontos de entrada na cidade (rodoviárias, aeroportos, estações ferroviárias), disponibilizando serviço de cadastro para identificação das condições de vida e origem bem como a informações dos indivíduos nos seus países e a oferta de cursos de língua portuguesa;

Aprovado(0)Reprovado(0)

Link permanente para este artigo: https://www.panoramacentral.com.br/prefeitura/desenvolvimento-social/promocao-social-direitos-humanos-e-cidadania/